InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  
Bem vindo

Bem vindos!



Sejam bem-vindos!
Novato no fórum? Registre o seu personagem e crie sua ficha.
Bom jogo!
Calendário
DATA ON: 22 a 28 de Setembro de 2019.



» CLIMA: Nublado, gélido e sujeito a ventanias.
» ALUNOS: aulas (Duelos, Adivinhação e Runas Antigas). Festa do Pijama. ADULTOS: ações livres tanto no Castelo quanto no mundo bruxo.
Destaques

(Por ranking).

Sonserina - 79 PONTOS.

Corvinal - 74 PONTOS.

Lufa-Lufa - 30 PONTOS.

Grifinória - 5 PONTOS.



Links úteis

LINKS ÚTEIS.


» Trama.
» Regras.
» Avisos.
» Listas.
Parceiros
Quer ser Parceiro? Adicione nosso button e envie um email para accio.forever@gmail.com



Créditos


Créditos.


O Accio Hogwarts é um Fórum de RPG baseado nas histórias de J.K.Rowling. Sem fins comerciais. Todo conteúdo disposto no fórum - imagens, html e tramas - é de uso único e exclusivo do ACCIO HOGWARTS.

Compartilhe | 
 

 Katherine Benson

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Katherine Benson
Monitor Chefe Gryffindor
Monitor Chefe Gryffindor
avatar

Mensagens : 40
Data de inscrição : 03/09/2011

MensagemAssunto: Katherine Benson   Seg Set 05, 2011 10:53 pm

'And I'll leave this life behind me
Say it if it's worth saving me'


;Nome completo: Katherine Anne Benson
;Apelido (s): Kath, Kathe
;Idade:17 anos
;Parentes: Chloe Scott e Leonard Benson [pais] Theresa Marie Scott e John Gibbs [tios] Marie David e Anthony DiNozzo [tios] Alysson e Jane DiNozzo [primas]
;Raça: Puro
;Data de Nascimento: 27 de Maio
;Local do Nascimento: Manchester, Inglaterra


[Aparência]
;Altura:
cerca de 1.70
;Olhos: azuis claros cor do mar
;Cabelos: loiros compridos e extremamente bonitos
;Avatar: Ashley Benson

[Personalidade]
;Humor:
é uma garota bastante bem disposta, sempre com um sorriso brilhante nos lábios. Sempre disposta a fazer os outros sorrir.
;Qualidades; Simpática, preocupada, amiga, sensata, responsável, organizada.
;Defeitos: orgulhosa, teimosa, stressada, preocupada
;Maior desejo: ser feliz e ter um emprego fazendo aquilo que gosta
;Maior medo: ficar sozinha
;Forma do Patrono; corça

[Dados Bruxos
]
;Casa: Gryffindor
;Matéria(as) preferidas: Transfiguração, poções
;Matéria(as) que não gosta; voo
;Matéria(as) com mais aptidão: transfiguração e poções
;Matéria(as) com menos aptidão; voo e herbologia
;Varinha: 30 cm pelo de unicornio.
;Animal de estimação: um gato chamado Blacky

[História]
mínimo 15 linhas


;A minha história começa a uns anos atrás. A minha mãe nasceu em Winchester, era filha de um fazendeiro famoso, de várias posses. Indo directo ao assunto a minha mãe era rica. O meu pai, esse era filho de um detective particular muito rico. O meu avó paterno era uma pessoa de extrema importância, era conhecidos por ser um novo rico. Aqueles que herdaram milhões e milhões de euros de heranças de um familiar. Nada que não se pudesse explicar, o meu avô paterno herdou toda a sua fortuna da minha tia, que morreu assassinada. A minha tia coitada, morreu assassinada pelo ex-namorado. O filho da mãe que era um ciumento do piorio. Mas voltando a minha história. A minha mãe mesmo antes de nascer estava prometida ao meu pai. Iriam casar, era assim que as coisas costumavam funcionar entre os novos ricos. Quer existisse amor, quer existisse ódio. Nada podia deter tamanho casamento. Normalmente o futuro marido e a futura mulher apenas se conheciam na véspera do casamento. Mas com os meus pais foi diferente.

;A minha mãe nasceu no dia 23 de Agosto numa maternidade perto da fazenda do meu avô. Nasceu a minha mãe, Chloe. Era uma garota loira muito bonita. Era uma bebé sossegada não chorava, era paciente. Um sonho de criança sinceramente.

;O meu pai, Leonard era uns meses mais velho nasceu no dia 12 de Maio numa maternidade em Londres, ao contrário da minha mãe o meu pai era um bebe mais agitado, mais chorão. Era engraçada o contraste dos dois. Os anos iam passando e a altura de os meus pais entrarem na escola tinha chegado, até chegarem a faculdade da vida dos dois era normal. Escola casa, casa escola...sabe como é. A minha mãe tinha notas boas, esforçava-se o seu sonho era ser um detective particular e não tendo ninguém no ramo tudo dependia dela. O meu pai, era um garoto esforçado é certo mas não tanto como a minha mãe, o meu pai podia sempre tomar conta dos casos do seu pai.

;O assunto ficava sempre resolvido no que tocava ao meu pai. Ele ficava com os casos do meu avô e ficava tudo bem de qualquer maneira. A vida dos meus pais sempre foi super normal até chegarem a faculdade. Os meus pais iriam seguir um curso que tivesse a ver com polícia, detectives, FBI. Era o que fascinava os meus pais. Conheceram-se no primeiro dia de aulas, estavam na mesma turma, deram-se bem desde o primeiro momento. Uma amizade sem segundas intenções cresceu, uma amizade pura. Mas havia algo mais, havia algo mais que uma simples e pura amizade. Havia algo era sentido pelos dois, uma química talvez, era paixão que se iria transformar em amor.

;Ambos sabiam que aquela química, aquele amor nunca poderia ser nada, os dois sabiam que estavam prometidos a desconhecidos. Que aquele amor entre eles era impossível. Mas era a realidade eles não aguentavam ficar longe um do outro. Era impossível. Leonard pediu então Chloe em namoro, o namoro estava destinado a um único fim, assim que os pais deles descobrissem o namoro iria terminar da pior forma. Mas os dois estavam apaixonados e estavam dispostos a lutar e a por um fim ao casamento ‘obrigatório’. Mas era óbvio, os pais deles não permitiram sequer que eles pensassem em cancelar o casamento. Mas a maior surpresa ainda estaria para vir. Era a altura dos dois conhecerem os novos noivos.

;A minha mãe chorava em pensar sequer em casar com outro homem que não fosse Leonard, ela não aceitava isso. O meu pai por sua vez ficou completamente louco de pensar sequer na hipótese de perder Chloe e ser obrigado a casar com outra. Mas nada podiam fazer. Os noivos iriam se conhecer em casa de Chloe, os dois estavam de rastos conhecer o respectivo noivo e a respectiva noiva era a pior coisa que lhes poderia acontecer. Pelo menos assim pensavam eles.

;Mas afinal era a melhor coisa que lhes podia acontecer, não ficariam separados ao contrario do que se pensava. A casa de Leonard era enorme, jardim enorme uma piscina enorme. A casa era extraordinária mas nem isso faria Chloe esquecer o seu namorado e viver feliz com o marido. Estava na hora, dois ‘solteiros’ prestes a casarem obrigados. Chloe e o pai entraram em casa de Leonard e aguardaram na sala até a chegada de Leornard e de seu pai. A sala estava impecavelmente limpa, as empregadas vestidas impecavelmente. Tudo estava perfeito naquela casa. Leonard e Jack, o meu avô, entraram na sala. Os olhos de Leonard percorreram a sala em busca da então sua futura mulher, Chloe fitava o chão. Sentiu então o seu pai se levantar e de imediato de se levantou continuando a fintar o chão. Jack então cumprimentou o genro e a futura noiva. Era a vez de Leonard cumprimentar a noiva, Chloe continuava a fintar o chão, Leonard já a tinha reconhecido uma felicidade tinha invadido o garoto. Lentamente Chloe colocou a mão por baixo do queixo de Chloe e lhe levantou o rosto obrigando-a a olhar para si. Leonard abriu um sorriso e Chloe instintivamente devolveu o sorriso e ambos agiram como se fosse a primeira vez que se viram. Depois de todas as formalidades, o casamento ficou marcado para o dia 20 de Abril e Leonard e Meredith ficaram mais felizes que nunca.

;Um ano depois, eu nasci. Meus pais me deram o nome de Katherine e desde pequena que sempre ouvi a história de como os meus pais se conheceram, talvez fosse por esse motivo que eu sempre sonhara em ter uma historia de amor como a deles mesmo sabendo que isso seria altamente – para não dizer mesmo, praticamente – impossível. Fui crescendo e fui entendendo certas coisas, era mágica assim como os meus pais.

;Quando fiz 11 anos, recebi a carta de Hogwarts, tinha sido aceita na melhor escola de magia e feitiçaria de todo o mundo, tem noção do quanto isso me deixou feliz? Fui escolhida para Gryffindor, a casa que acolhera a minha mãe. Desde cedo fui uma garota popular, com bastantes amigos, não sabia bem porque tinha ficado popular mas gostava de ter aquela atenção né. Mantive as boas notas e sempre fui uma garota responsável e isso fez com que eu fosse escolhida para ser monitora chefe da minha casa.

;Nas ultimas férias de verão passei –as fui numa festa, e você sabe como são as festas né? Bebi demais e acabei me envolvendo com um garoto que não deveria… não sei bem o que aconteceu naquela noite, apenas sei que acordei num quarto com um lufano do meu lado. Obviamente sai daquele quarto o mais rápido possível e ainda hoje tento me lembrar o que aconteceu naquela noite e por mais que tente, não consigo… está em branco. A ressaca era complicada demais.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Katherine Benson
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» "Midnight Orchestra" [Vol. 1: A batalha de Geffenya]
» Katherine Salvatore - Ventrue - Camarilla
» MvP Comum | Katherine Pierce
» → Checagem de Presença & Atividade! [OBRIGATÓRIO!]
» Herbologia- 1º ano - 1ª Aula

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Gryffindor-
Ir para: