InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  
Bem vindo

Bem vindos!



Sejam bem-vindos!
Novato no fórum? Registre o seu personagem e crie sua ficha.
Bom jogo!
Calendário
DATA ON: 22 a 28 de Setembro de 2019.



» CLIMA: Nublado, gélido e sujeito a ventanias.
» ALUNOS: aulas (Duelos, Adivinhação e Runas Antigas). Festa do Pijama. ADULTOS: ações livres tanto no Castelo quanto no mundo bruxo.
Destaques

(Por ranking).

Sonserina - 79 PONTOS.

Corvinal - 74 PONTOS.

Lufa-Lufa - 30 PONTOS.

Grifinória - 5 PONTOS.



Links úteis

LINKS ÚTEIS.


» Trama.
» Regras.
» Avisos.
» Listas.
Parceiros
Quer ser Parceiro? Adicione nosso button e envie um email para accio.forever@gmail.com



Créditos


Créditos.


O Accio Hogwarts é um Fórum de RPG baseado nas histórias de J.K.Rowling. Sem fins comerciais. Todo conteúdo disposto no fórum - imagens, html e tramas - é de uso único e exclusivo do ACCIO HOGWARTS.

Compartilhe | 
 

 Tell me everything! 24. 12.2012 - manhão.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Pandora Lufkin Gaunt
Slytherin
Slytherin
avatar

Mensagens : 1077
Data de inscrição : 29/06/2011

MensagemAssunto: Tell me everything! 24. 12.2012 - manhão.   Qua Dez 14, 2011 5:05 pm

Meu inconsciente tinha a plena noção do que estava acontecendo. Eu não queria aquilo, não queria que tivesse acontecido, mas já que acontecera eu não podia mais negar. As palavras de Gabrielle estavam em minha mente, e, acabavam por si só perturbando o meu sono. Não podia ser verdade. . . Ou então, varias coisas poderiam ter acontecido, as visões, as mulheres, o duelo, uma Avada, um corpo caído no chão.... Seria meu paz capaz de ter matado minha mãe? Ou deixado com que fosse torturada? Aquele ultimo pensamento me fez cerrar o punho e segurar na varinha rente ao peito.

Véspera de Natal. Manhã.
Peguou o seu malão, e vestiu uma capa preta em cima do uniforme da Slytherin. Caminhou até a entrada principal do salão de Hogwarts, olhou para atrás e se afastou lentamente e calma, como uma lady em meio a multidão, coluna ereta, cabelos uniformemente penteados em um coque preso por uma admirável jóia, o queixo sempre distante do colo e olhos discretos e ávido de visão lateral inquestionável em sua perfeição. A figura esguia , fazia levitar o malão ao seu lado , colocou o capuz na cabeça , não sem antes da o braço para o corvo, seu eterno companheiro, pousar., dependendo da resposta de Gerry ela iria ou não para casa.

Aparatou no salão principal da mansão Savigny. A luxuosa mansão, era decorada com ornamentos sutis e aristocratas, tudo combinando com o ar diplomático de Gerry. Olhou em minha volta, abaixando o capuz que encobria seu rosto, depois tirando a capa caminhando lentamente, fazia questão de manter seu rosto erguido, ampliando assim, seu espaço.

A porta se abriu e um vulto alto envolto em uma capa surgiu no batente. Podia vê-la, o que não ocorria a ela. A luz era fraca ou quase inexistente, não se moveu. Ouviu os passos vindo na sua direção, a respiração, mais alguns passos. Agora estava tão perto que via perfeitamente os cabelos grisalhos lisos, os olhos azuis, a pele clara. Sorriu indulgente e pensou: “Meu padrinho, sim, só você pode ajudar-me.” Hesitação e um sorriso quando falou a voz soou clara, melodiosa e pausada:
-Não gastarei elogios, Gerry, e tampouco demorarei, quero apenas saber se meu pai tem outra filha por nome Gabrielle com uma bruxa -fez uma pausa- striper.
― Diga-me, Gerry, o que tu queres em troca? - sua voz era calma. Esperava o homem falar-lhe mas não sem antes fita-lo analisando-o.


Qualquer coisa edito, Sister!
Citou: Gerard, pai (Nero) , Gabrielle e mae (stripper)





Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Gerard Sevigny
Ministério da Magia
Ministério da Magia
avatar

Mensagens : 61
Data de inscrição : 29/06/2011

MensagemAssunto: Re: Tell me everything! 24. 12.2012 - manhão.   Qua Dez 21, 2011 2:46 am

Estava em casa tentando arduamente não presentear a meia irmã da bastarda filha do meu irmão com um Avada... Alguma dúvida que eu não tinha paciência com crianças ou adolescentes? Imagino que não.

Augustine parecia incomodada com o modo como tratava sua prima, não que eu me importasse, doía-me pensar que até a bastarda do meu irmão era menos apática do que minha filha... consegue imaginar algo assim? Artemis parecia acuada e...bom ela tinha motivos reais para se sentir assim não? Em breve, ela não faria mais parte desse mundo...nem ela, nem a meia irmã sangue ruim. Era só me livrar do projeto de namorado e tudo daria certo. A vergonha dos Sevigny sumiria pra sempre.

De toda forma eu estava vivenciando o meu papel de bom tio surgido do nada para cuidar da pobre sobrinha órfã...Mais um riso de bebê ecoa pela casa.Affff... Definitivamente eu não sabia por quanto tempo mais eu suportaria essa história. Quando pensava que teria um pouco de sossego quando fui surpreendido pela visita de Pandora... Três adolescentes num único dia? É...acho que esse é meu limite. a encarei e dei um sorriso polido - Bom dia Pandora, a que devo a honra da visita? Saudades do seu padrinho, certamente - Certamente que não, sendo filha de quem era, a garota provavelmente queria algo.

Pandora escreveu:
-Não gastarei elogios, Gerry, e tampouco demorarei, quero apenas saber se meu pai tem outra filha por nome Gabrielle com uma bruxa -fez uma pausa- striper.― Diga-me, Gerry, o que tu queres em troca?

Bem, a garota havia descoberto sobre o caso extraconjugal do pai... não que eu me importasse mas, devia responder a pergunta - Ah era isso? Pandora, imaginei que não fosse tão ingênua a respeito de seu pai. - usei do tom mais moderado possível, afinal eu tinha cara de bruxo mexeriqueiro? - Se espera que eu negue alguma coisa, lamento. É tudo verdade, querida, e você terá que se conformar com a sua realidade, não que eu imagine que seu pai vá fazer algo a respeito da bastarda...- conclui e aproveitei para concluir - E não lhe cobrarei nada pelo meu gesto que você pode encarar como generosidade padrinhal. - sorri polido novamente e indaguei - Acaso vai passar o Natal com seu pai, os Windsor ou nos dará o prazer de sua companhia? - outra garota em sua casa? Nem pensar, tomara que ela tivesse outros planos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pandora Lufkin Gaunt
Slytherin
Slytherin
avatar

Mensagens : 1077
Data de inscrição : 29/06/2011

MensagemAssunto: Re: Tell me everything! 24. 12.2012 - manhão.   Qua Dez 21, 2011 3:28 pm

O tempo estava horrível e a chuva caía intermitente. Os passos se tornaram mais rápidos, podia apenas ouvir o som de seus pés pisando no assoalho de mármore.caminhava ansiosa a espera de Gerard , ate que o mesmo adentrou a sala com seu porte altivo, não diferente da postura habitual da jovem.
Gerry escreveu:
Bom dia Pandora, a que devo a honra da visita? Saudades do seu padrinho, certamente
.
Olhou para ele dando-lhe um sorriso cordial, contudo, objetiva como sempre logo explicitando o motivo de estar ali, Gerry era um homem misterioso aos olhos da jovem afilhada, contudo não menos ambicioso e a jovem sabia que mais dia menos dia ele precisaria dela.
Gerry escreveu:
Ah era isso? Pandora, imaginiei que não fosse tão ingênua a respeito de seu pai
― Não romanceie, Gerry, eu o odeio!- falou ríspida referindo-se ao pai
O rosto molhado, apenas coberto em parte pelo capuz.
Gerry escreveu:
- Se espera que eu negue alguma coisa, lamento. É tudo verdade, querida, e você terá que se conformar com a sua realidade, não que eu imagine que seu pai vá fazer algo a respeito da bastarda...- conclui e aproveitei para concluir - E não lhe cobrarei nada pelo meu gesto que você pode encarar como generosidade padrinhal

Bufou. O medo, a raiva, a angústia, e porque não dizer, a determinação trouxe-lhe ali. O pai havia a enganado, aquele falso moralismo e toda polidez social ensinados a loira eram frutos de um engodo, mentira, falsidade e hipocrisia. Abaixa o capuz mostrando o rosto ainda molhado pela chuva, da passos mansos em direção ao homem e deposita um beijo em sua face.
- Sou uma pessoa grata,Gerry. Ofereço meu braço para a marca e minha alma ao Lord - foi enfática- Sobre a bastarda. Eu mesma cuidarei dela. – disse em meio a um sorriso que variava do cinismo a seriedade.

Gerry escreveu:
- Acaso vai passar o Natal com seu pai, os Windsor ou nos dará o prazer de sua companhia?
Sorriu lisonjeada e curiosa. Contudo recolocou o capuz, sem antes dar um selinho de agradecimento no padrinho.
- Prefiro que não nos veja juntos. E já tens convidados demais – Caminhou ate a porta. – Espero seu contato. Breve.
― Já fui! - disse acenando apenas com os dedos através da abertura da porta.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Tell me everything! 24. 12.2012 - manhão.   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Tell me everything! 24. 12.2012 - manhão.
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Lúcifer Estrela da Manhã: Um conto de Demônio o preço do poder
» {Filler}Uma bela manhã
» Olimpo News - Edição 02 / Fevereiro 2012
» Porta Retrato Dig - Medid. Pressão - Mortal Kombat 9
» Episódios Shippuuden [Spoiler-Alert]

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Mansão Sevigny-
Ir para: